25.6.12

Conhecendo Seu Equipamento

Aloha galera!

Desculpem com o atraso da segunda matéria da série "Escalada e Montanhismo", mas esse final de semana tive vários aniversários para ir, incluindo o meu mesmo!

Então, nessa segunda matéria da série "Escalada e Montanhismo"  vou descrever os equipamentos de escalada em rocha e gelo, e tentar dar algumas dicas de cuidados.


Então galera, depois de muito pensar resolvi separar em escalada em rocha, e em cada equipamento colocar em que modalidades é usado, e depois escalada em gelo.

Escalada em Rocha:

 

Sapatilha: 

A sapatilha é um calçado especial para escalada, com seu solado feito com borracha vulcanizada, chamado vibran, o que confere a sapatilha uma grande capacidade de aderência a rocha.

Ela é "O" equipamento, pelo simples fato de ser um equipamento comum a todas as modalidades da escalada.


Um dos cuidados básicos com a sapatilha é tirá-la da mochila assim que retornar do dia de escalada para deixá-la respirar, para assim evitar que fungos se instalem no interior. Outro cuidado é evitar deixar a sapatilha no sol, evitando ressecar o couro e deformar a borracha.

Como disse anteriormente, faz-se o uso da sapatilha em todas as modalidades da escalada em rocha, desde o boulder até uma tradicional, passando pela esportiva, indoor e big wall.

 

Capacete:


O capacete é um dos equipamentos de segurança mais importantes. Apesar de proteger o escalador em caso de quedas, ou ainda de possíveis fragmentos de rocha, ou proteções que caem, o uso dele ainda é um pouco desleixado, é possível ver algumas pessoas escalando, vias tradicionais, top rope, ou esportivas sem capacete.

Faz-se, ou pelo menos deveria se fazer, o uso do capacete em todas as modalidades com exceção do boulder.


Corda:

A corda é também um dos equipamentos de segurança mais importantes, visto que é ela que "segura" o escalador no caso de uma queda.

Existem cordas estáticas ou dinâmicas, de acordo com a elasticidade dela. Na escalada utiliza-se a corda dinâmica, tendo que esta amortece a queda com a sua capacidade elástica.

Manter a corda limpa é o cuidado principal para aumentar a vida útil dela, por isso deve-se tentar evitar ao máximo que a corda entre em contato com o solo, fazendo o uso de uma lona, ou similar. Deve-se ainda evitar pisar na corda, fazendo assim com que não entre sujeira na capa.
A corda deve ser guardada solta, sem nós ou dobras, pois estes marcam a corda fazendo com que ela tenha "pontos fracos".
Além disso, na hora de fazer o rapel esqueça os filmes do cinema, pois a velocidade elevada e os pulos deformam a capa da corda.

E ainda, não use a corda de escalada para outra finalidade a não ser escalar!

Assim como o capacete, a corda é utilizada em todas as modalidades de escalada, com exceção do boulder.

 

Cadeirinha:

Resumindo, a cadeirinha é utilizada para unir o escalador a corda, além também de ser responsável pela distribuição das forças que atuam no escalador durante uma queda.
Existem cadeirinhas para várias finalidades como: escalada, espeleologia e trabalho em altura; devendo procurar a cadeirinha adequadada para cada modalidade.


O cuidade básico com a cadeirinha é deixá-la protegida do sol e do calor, e sempre procurar observar os pontos de costuras. Um fator importante é saber se sua cadeirinha já foi submetida a muitas quedas, ou poucas, porém grandes quedas. Se ela estiver assim, pense em aposentá-la e utilizá-la apenas em top-rope.

A cadeirinha também é utilizada em todas as modalidades com exceção do boulder.

 

Mosquetões:

O mosquetão tem várias utilidades dentro da escalada. Pode ser utilizado na fita solteira, que é utilizada para ancorar o escalador em paradas na rocha, pode ser utilizado em equalizações, em top-ropes, entre outros.


Um cuidado básico com o mosquetão é evitar o choque deste com a pedra, com o solo, e ainda evitar com que sujeiras e poeiras entrem na rosca do mosquetão, no caso dos mosquetões com travas.

Seu uso se faz em todas as modalidades da escalada, com exceção do boulder.

 

Fitas e Cordeletes:

As fitas, assim como os mosquetões, tem sua utilização variada, podem ser utilizadas pelo escalador para se ancorar na rocha ou para se fazer equalizações.

Os cordeletes são geralmente usados para fazer prussiks, e estes tem utilização variada, como um backup no rapel, para evitar com que o escalador desça direto, ou para fazer uma ascensão em corda fixa.


Os cuidados com estes equiamentos são semelhantes aos da corda.

Se faz o uso das fitas e cordeletes em todas as modalidades, com exceção do boulder.

 

Freio:

Existem diferentes tipos de freio, os mais utilizados em rocha são o oito, e o ATC, e o que geralmente se usa indoor é um tipo de freio automático, geralmento o grigri.

Os freios tem a função de travar o escalador numa queda, ou dar sustentação num top-rope. Quem utiliza o freio é o escalador que não está escalando, o que está dando a segurança.


 Os cuidados com o freio são semelhantes ao do mosquetão, evitando quedas ou choques com a rocha.

O freio também o utilizado em todas as modalidades com esceção do boulder.

 

Proteção Móvel:

A proteção móvel  é utilizada em escalada que não possuem a proteção fixa e possuem fendas, que a tornam propícias para a utilização deste.

A proteção móvel pode ser ativa ou passiva. Os ativos são os friends e alguns tipos de tricams, e os passivos são os nuts, hexentrics, entre outros.


A proteção móvel tem o papel de sustentar o escalador no momento da queda, assim como a proteção fixa.

É utilizado em escaladas esportivas ou tradicionais em fendas.

 

Costura:

A costura é um equipamento utilizado para ligar a corda a proteção fixa. É a costura que sustenta o escalador no caso de uma queda, é até onde o escalador "cai".


A costura são dois mosquetões sem travas, geralmente um reto(colocado na proteção) e um curvo (por onde a corda passa), ligados por uma fita expressa, que tem tamanhos variado, porém sempre curtas.

Os cuidados com a costura se aseemelham ao do mosquetão.

 

Crash Pad:

É um tipo de colchão utilizado para amortecer as quedas do escalador.
Seu uso se faz exclusivamente no boulder.

Saco de Magnésio:

Mais um equipamento que como a sapatilha, é comum a todas as modalidades de escalada, serve única e exclusivamente para colocar o magnésio, que é utilizado para secar, ou evitar que as mãos suem durante a escalada e assim não escorreguem da rocha.



Escalada em Gelo:

Além de alguns equipamentos comuns a rocha e gelo, como cadeirinha, cordas, fitas, costuras, e mosquetões, existem os equipamentos específicos para escalada em gelo.

Devido a minha pouca experiência em escalada em gelo/neve, vou descrever brevemente cada equipamento e ilustrá-los.

 

Piolet:


O piolet é uma espécie de "martelo" com uma ponta onde se finca no gelo para ascensão neste.

 

Crampon:

O crampon é uma espécie de solado que se prende a bota, e possui pontas na frente e embaixo, para fixação no gelo, e também facilitar a caminhada em neve.


Parafuso de gelo:


O parafuso de gelo é a proteção que é colocada no gelo, semelhante a proteção fixa


Botas e casacos:

Além dos equipamentos descritos acima, se faz também o uso de botas e casacos impermeáveis.


Por hoje é isso aí galera!

Mais informações sobre cuidados com o equipamento de escalada entre em http://www.montanha.bio.br/Mat_equipo.htm e leia detalhes.

Fiquem ligados, a estréia da coluna do Tosco Mammut foi adiantada para essa semana, não percam!

Abraços e boas escaladas!